Advogada por formação, ilustradora apaixonada por manipulação de imagens e pintura digital. Gosta de Livros, Música, Abóboras, Halloween, Rock e Fogos de Artifício. Vidente e psicóloga emocional.

Rebecca Serle

7 minutos de leitura

Reniére Pimentel - Jun 4, 2015

Oi, Lu!
Estou aguardando meu exemplar, a premissa me chamou atenção e espero gostar tanto quanto você. Adoro o “gostinho de quero mais”, faz a próxima leitura ser ainda melhor. *-*

Beijios!!
www.palavrasradioativas.com

Olá :) Essa é a primeira resenha que leio sobre esse livro. :D Não faço muito leituras de livros joviais, entretanto, o gênero/estilo desperta o meu interesse. :D Adorei a proposta de “Tocando As Estrelas”, o assunto é muito legal e diferente, nunca li nada parecido. :o Como será essa “vida de atriz” (da protagonista)? :o Tenho que ler!! :) rsrs Adorei a resenha!!! *-* Beijão!
Blog: http://my-stories-wonderful-books.blogspot.com.br/
Página: https://www.facebook.com/BlogWonderfulBooks

Oiii. Tudo bem?

Eu estou louca para ler esse livro. Sua resenha ficou perfeita.

3 minutos de leitura

Autor(a): Rebecca Serle | Gênero: Romance | Ano: 2015 | Páginas: 224 | Editora: Novo Conceito

Narrado em primeira pessoa na visão de Paige T., tocando as estrelas conta a história de Paige, uma garota comum que sonha em ser atriz e num golpe de sorte, sua vida se vira do avesso quando ela se vê no Havaí gravando o filme de um dos livros adolescente de maior sucesso no país.

Não esperava muito de “Tocando As Estrelas". Comecei a ler despretensiosamente, só pela capa ser linda do jeito que é e em poucos parágrafos estava amarrada não pela história, mas pela narrativa de Rebecca. “Tocando As Estrelas” é o típico romance adolescente previsível, mas nada ruim. Quando Jordan é escolhido para o papel, já sabemos o que vai acontecer com Paige e Rainer, já prevemos tudo muito antecipadamente e os acontecimentos parecem já ser esperados.

“Apesar de sermos apenas Rainer e eu atuando, existem oito milhões de pessoas no set."

Os personagens secundários não são tão explorados, mas fazem bastante diferença à história. Fiquei com um pouco de raiva de Cass e Jake, os melhores amigos de Paige, porém, no fundo, eles tem direito de seguirem suas vidas sem Paige, mas assim como ela, eu ficaria um pouco chateada por seguirem da maneira que aconteceu, ainda mais como Cass foi egoísta antes.

Posts recentes

Categorias

Facebook

Meus Ebooks

Youtube

Lendo