Advogada por formação, ilustradora apaixonada por manipulação de imagens e pintura digital. Gosta de Livros, Música, Abóboras, Halloween, Rock e Fogos de Artifício. Vidente e psicóloga emocional.

Paula Hawkins

5 minutos de leitura

Autor(a): Paula Hawkins | Gênero: Ficção | Ano: 2015 | Páginas: 378 | Editora: Record | Skoob

SinopseTodas as manhãs Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres. O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas d’água, pontes e aconchegantes casas. Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes – a quem chama de Jess e Jason –, Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess – na verdade Megan – está desaparecida.
Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos.
Uma narrativa extremamente inteligente e repleta de reviravoltas, A garota no trem é um thriller digno de Hitchcock a ser compulsivamente devorado.

Rachel divide um apartamento com sua colega de faculdade Cathy e todos os dias ela pega o trem e faz o trajeto de Ashbury para Londres onde deveria trabalhar, mas Rachel perdeu o emprego devido aos seus problemas com o alcool e ela tenta esconder isso de Cathy. Em seu trajeto, Rachel criou alguns rituais e, um deles, é observar a cada de número 15 onde mora um casal que ela nomeou de Jess e Jason.

Na cabeça de Rachel, Jess e Jason são um casal perfeito, mas na verdade eles são Megan e Scott. Megan é uma bela mulher, mas é cheia de problemas e sua vida não é nada perfeita. Scott é um homem apaixonado e muito possessivo que faz de tudo para que sua esposa seja feliz, contanto que seja em seus próprios termos.

Posts recentes

Categorias

Facebook

Meus Ebooks

Youtube

Lendo