Advogada por formação, ilustradora apaixonada por manipulação de imagens e pintura digital. Gosta de Livros, Música, Abóboras, Halloween, Rock e Fogos de Artifício. Vidente e psicóloga emocional.

Kody Keplinger

4 minutos de leitura

Título Original: DUFF | Autor(a): Kody Keplinger | Gênero: YA | Ano: 2016 | Páginas: 328 | Editora: Globo Alt | Skoob

Comprar | Ler um Trecho do Livro

Sinopse: Bianca Piper não é a garota mais bonita da escola, mas tem um grupo leal de amigas, é inteligente e não se importa com o que os outros pensam dela (ou ela acha). Ela também é muito esperta para cair na conversa mole de Wesley Rush - o cara bonito, rico e popular da escola - que a apelida de DUFF, sigla em inglês para Designated Ugly Fat Friend, a menos atraente do seu grupo de amigas. Porém a vida de Bianca fora da escola não vai bem e, desesperada por uma distração, ela acaba beijando Wesley. Pior de tudo: ela gosta. Como válvula de escape, Bianca se envolve em uma relação de inimizade colorida com ele. Enquanto o mundo ao seu redor começa a desmoronar, Bianca descobre, aterrorizada, que está se apaixonando pelo garoto que ela odiava mais do que tudo.

Em “Duff", vamos conhecer Bianca, uma garota tímida e sarcástica que não suporta baladas e não tem uma vida emocionante. Sua mãe viaja o mundo dando palestras motivacionais e seu pai está sempre se esforçando no trabalho. A vida de Bianca começa a mudar quando ela descobre ser uma DUFF - Designated (designada/denominada), Ugly (feia), Fat (gorda) e Friend (amiga), ou seja, aquela amiga denominada a mais feia e gordinha do grupo. Essas palavras não saem mais da cabeça de Bianca e para piorar, ela está passando por alguns maus momentos em sua vida pessoal com a separação dos pais e o beijo que deu em Wesley, o garoto mais chato, irritante, babaca, galinha e riquinho que provoca ataques de ódio em Bianca.

Depois de todo o sucesso e divulgações espalhadas pela blogosfera, achei que era a minha vez de conferir o que era tão especial assim nesse livro e, me desculpe os amantes desse livro, mas para adiantar toda a história, “Duff” não é nada mais do que o famoso ‘mais do mesmo’.

Posts recentes

Categorias

Facebook

Meus Ebooks

Youtube

Lendo