Advogada por formação, ilustradora apaixonada por manipulação de imagens e pintura digital. Gosta de Livros, Música, Abóboras, Halloween, Rock e Fogos de Artifício. Vidente e psicóloga emocional.

3 minutos de leitura

Autor(a): Madeleine Roux | Gênero: Suspense | Ano: 2014 | Páginas: 336 | Editora: V&R

Sinopse: P_ara Dan Crawford, 16 anos, o New Hampshire College Prep é mais do que um programa de verão – é uma tábua de salvação. Um pária em sua escola, Dan está animado para finalmente fazer alguns amigos em seu último verão antes da faculdade. Mas, quando ele chega no programa, Dan descobre que seu dormitório para o verão costumava ser um sanatório, mais comumente conhecido como um asilo. E não apenas qualquer asilo — um último recurso para criminosos insanos.
À medida que Dan e seus novos amigos, Abby e Jordan, exploram os recantos escondidos de sua casa de verão assustadora, eles logo descobrem que não é coincidência que os três acabaram ali. Porque o asilo é a chave para um passado terrível. E existem alguns segredos que se recusam a ficar enterrados._

Tudo começa no primeiro dia de aula de Dan Crawford na New Hampshire College Prep, quando ele entra em seu quarto e ao olhar na gaveta do criado mudo, encontra uma fotografia antiga de um homem com os olhos riscados a caneta, alguém riscou a foto para que ele não pudesse ser identificado. Logo depois, Dan conhece seu novo colega de quarto, Felix que aguça a curiosidade de Dan sobre o lugar ao contar-lhe que já viu fotos como aquelas numa ala desativada e interditada do colégio. A partir daí, coisas misteriosas começam a acontecer.

Assim como os livros policiais, livros de terror ou suspense são os meus preferidinhos, os meninos dos meus olhos e a paixão por “Asylum” aconteceu assim, com poucas linhas de uma resenha. Sinto muito por não lembrar o nome do blog em que li a resenha do livro, mas foi por culpa dessa resenha que fiquei doida atrás do livro e, finalmente, consegui ler e me apaixonar.

Não sou altamente impressionável, na verdade, filmes e livros de terror e suspense não me deixam assustada ou impressionada, eu os leio, amo e depois segue a vida, mas com “Asylum“foi diferente. A autora tem essa escrita leve e te leva pelas aventuras de Dan, Abby e Jordan com tal facilidade que parece que você está ali do lado dos personagens, sentindo o que eles sentem, vivendo o que eles vivem.

O cenário em que se passa o livro, o hospital psiquiátrico Brookline, é muito bem explorado, a autora nos dá detalhes tão precisos que conseguimos imaginar perfeitamente cada lugar, casa sala ou auditório desativado. As fotos que acompanham o livro também ajudam muito, tanto a imaginar os lugares, quanto nos impressionar.

Os personagens também são muito bem explorados. Todos muito complexos e com histórias bem feitas, sem nenhum buraco durante todo o livro e isso nos faz duvidar de cada um deles durante os capítulos. Nenhum personagem parece mais ou menos confiável, nenhum.

Apesar de eu ter descoberto o personagem responsável por alguns acontecimentos em Brookline que eu não vou contar, porque vai ser muito Spoiler de uma vez só poucos capítulos antes do livro acabar, não me decepcionei com o final, na verdade, o livro terminou completamente diferente do que imaginei. Tem grandes chances de se tornar minha série favorita!

Bom, se você gosta de terror e suspense, a série “Asylum” não pode faltar nas suas leituras desse ano. Olha só quantos livros tem a “Série Asylum":

1. Asylum (Asylum, #1) - Já publicado.

2.  Scarlets (Asylum #1.5) - Já publicado.

3. Sanctum (Asylum, #2) - Prometido para o Segundo Semestre de 2015.

4. The Bone Artists (Asylum, #2.5) - Ainda não lançado no Brasil.

5. Catacomb (Asylum, #3) - Ainda não lançado no Brasil.

Posts recentes

Categorias

Facebook

Meus Ebooks

Youtube

Lendo