Advogada por formação, ilustradora apaixonada por manipulação de imagens e pintura digital. Gosta de Livros, Música, Abóboras, Halloween, Rock e Fogos de Artifício. Vidente e psicóloga emocional.

4 minutos de leitura

Título Original: Before He Finds Her| Autor(a): Michael Kardos | Gênero: Ficção | Ano: 2016 | Páginas: 304 | Editora: Arqueiro | Skoob

Comprar | Ler um Trecho do Livro

Sinopse: _Num domingo de setembro de 1991, Ramsey Miller deu uma festa em casa para os vizinhos. Depois, assassinou a esposa e a filha de 3 anos. Todo mundo na pacata cidade de Silver Bay conhece a história. _

_Só que todos estão errados. A menina escapou. Sob o nome falso de Melanie Denison, ela passou os últimos quinze anos escondida com os tios numa cidadezinha remota. Nunca pôde viajar, ir a uma festa na escola ou ter internet em casa, porque Ramsey jamais foi encontrado e poderia ir atrás dela a qualquer momento. _

Mas, apesar das rígidas regras de segurança impostas pelos tios, Melanie se envolve com um jovem professor da escola local e engravida. Ela decide que seu filho não terá a mesma vida clandestina que ela e, para isso, volta a Silver Bay para fazer o que nem os investigadores locais, nem a polícia federal, nem o FBI conseguiram: encontrar seu pai antes que ele a encontre.

O livro é narrado em terceira pessoa entre o passado e o presente. No passado acompanhamos Ramsey (1991) que assassinou sua esposa Allie de maneira brutal e desapareceu sem deixar nenhuma pista. Meg, a filha do casal, nunca foi encontrada e foi dada como morta por todos, mas, na verdade, Meg sobreviveu e foi criada por seus tios. No presente, acompanhamos Meg, a filha dada como morta e que agora vive com o nome de Melanie e está grávida. Determinada a dar uma vida diferente para seu filho, ela decide ir atrás de seu pai desaparecido e resolver o mistério que envolve a morte de sua mãe.

Tem muito, mas muito tempo mesmo que li “A Garota Sem Passado", mas não me sentia pronta o suficiente para falar do livro. Não que tenha sido uma leitura ruim, mas também não foi uma leitura incrível. Na verdade, achei que tanto a história quanto os personagens precisavam de um pouco mais de trabalho, de aprofundamento, mas mesmo assim, um personagem que merece toda a atenção durante a história é Arthir Goodale, um jornalista que está no hospital à beira da morte, mas tem um blog com muitas informações sobre o assassinato de Allie e o desaparecimento de sua filha.

“O autodesprezo já começava a crescer em seu peito feito uma onda do mar."

A história é enroladíssima, muito cheia de detalhes que deixam a leitura densa e muito, muito devagar. Acho que o autor pecou por tentar segurar demais o suspense para o final e acabou criando um livro longo e dificilíssimo de terminar. O interesse do leitor é minado aos poucos enquanto o enredo se desenrola devagar e sem grandes reviravoltas.

Já com o final, eu tenho sentimentos conflitantes. Por um lado, achei que o autor conseguiu criar aquele final que desejava com uma grande revelação e detalhes que ansiamos durante toda a hora. Por outro lado, o final pareceu um pouco forçado, na ânsia de surpreender o leitor com um final nada esperado, Michel não conseguiu agradar.

“Você veio atrás de respostas. Veio para se fortalecer."

Apesar da escrita agradável e fluída de Michael, senti que “A Garota Sem Passado” teve um bom enredo, mas que o autor ficou no quase durante quase toda a obra, não conseguindo desenvolver nem um bom drama, nem um bom suspense.

_ _ _ _ 

Michael Kardos é escritor de romances e contos, que já foram publicados em revistas especializadas e lhe renderam diversos prêmios literários. Cresceu em Nova Jersey, formou-se em música na Universidade de Princeton e foi baterista profissional por muitos anos. Depois que terminou o doutorado, tornou-se um dos diretores do programa de escrita criativa da Universidade Estadual do Mississippi.

Posts recentes

Categorias

Facebook

Meus Ebooks

Youtube

Lendo